terça-feira, 22 de setembro de 2009

EDULCORANTES

Veja só que absurdo ; aspartame - sacarina - adoçantes em geral [menos stevia]


d:\dados\ saúde \ higienismo \ alertas \ aspartame.

ASPARTAME.

artigo pela Dra. Nancy Marckle – Conferência Mundial do Meio-Ambiente e Fundação Esclerose Múltipla – em rota de colisão com a Monsanto

"Passei alguns dias falando na CONFERÊNCIA MUNDIAL DE MEIO AMBIENTE a respeito do ASPARTAME, conhecido com Nutrasweet, Equal e Spoonful.

Eles anunciaram que existia uma epidemia de esclerose múltipla e lúpus sistêmico, e não entendiam que toxina estava fazendo com que essas doenças assolassem os Estados Unidos tão rapidamente.

Eu expliquei que eu estava lá para falar exatamente sobre este assunto.

Quando a temperatura do ASPARTAME excede 30º C, o álcool contido no ASPARTAME se converte em formaldeído e daí para ácido fórmico, que provoca acidose metabólica (o ácido fórmico é o veneno das formigas).

A toxidade do metanol imita a esclerose múltipla e as pessoas recebem diagnóstico errado de esclerose múltipla.

A esclerose múltipla não se constitui em sentença de morte, mas a toxidade do metanol sim.

No caso do lúpus sistêmico estamos percebendo que é quase tão grave quanto a esclerose múltipla, especialmente em usuários de DIET COKE e DIET PEPSI.

Não é para menos, considerada a toxidade do metanol ... (As vítimas geralmente bebem de 3 a 4 latas destes refrigerantes por dia, ou mais).

Nos casos de lúpus sistêmico causado pelo ASPARTAME, a vítima geralmente não sabe que o ASPARTAME é causa de sua doença e continua com seu uso, agravando o lúpus a um grau tão intenso que algumas vezes ameaça a vida.

Quando interrompemos o uso do ASPARTAME, as pessoas que tinham lúpus ficam assintomáticas.

Infelizmente, não podemos reverter essa doença.

Por outro lado, nos casos diagnosticados como esclerose múltipla (quando, na realidade, a doença é devida à toxidade do metanol) a maioria dos sintomas desaparece.

Nós temos visto casos em que a visão retornou e mesmo a audição foi recuperada.

Isso também se aplica aos casos de o existe nenhuma razão para se utilizar esse produto.

NÃO É UM PRODUTO DIETÉTICO !

Os anais do Congresso dizem: ele faz você desejar carboidratos e, em conseqüência, engordar.

Dr. Roberts viu que quando interrompeu o uso de ASPARTAME a perda de peso foi de 9,5 Kg por pessoa.

O formaldeído se armazena nas cédulas adiposas, principalmente nos quadris e coxas.

O ASPARTAME é especialmente mortal para os diabéticos.

Todos os médicos sabem o que o metanol causaria num diabético.

Muitos médicos acreditam que seus pacientes têm retinopatia, quando de fato, o mal é causado pelo ASPARTAME.

O ASPARTAME mantém o açúcar sangüíneo fora de controle, fazendo com que muitos pacientes entrem em coma.

Infelizmente, muitos morreram.

Pessoas nos contaram na Conferência do Colégio Americano de Medicina que tinham parentes que mudaram de sacarina para o ASPARTAME e agora eventualmente entram em coma.

Seus médicos não conseguem controlar os níveis de glicemia.

Os pacientes têm perda de memória pelo fato de que o ácido aspártico e a fenilalanina são neurotóxicos sem os outros aminoácidos encontrados nas proteínas.

Eles atravessam a barreira hemato-encefálica e causam deterioração nos neurônios.

Dr. Russel Blaylock, neurocirurgião, diz :

“Os ingredientes estimulam os neurônios até a morte causando dano cerebral em vários níveis”.

Dr. Blaylock escreveu um livro intitulado : Excitotoxinas : O Gosto que Mata. (Health Press, 1-800-643-2665).

O Dr. H. J. Roberts, especialista diabético e perito mundial em envenenamento pelo ASPARTAME, escreveu um livro intitulado DEFESA CONTRA A DOENÇA DE ALZHEIMER (1-800-814-8900).

Dr. Roberts mostra como o envenenamento pelo ASPARTAME está relacionado à doença de Alzheimer. E realmente está.

Mulheres de 30 anos estão sendo internadas com Alzheimer. Dr. Blaylock e Dr. Roberts estão escrevendo uma carta-posição com alguns casos relatados e vão colocá-la na Internet.

De acordo com a conferência do Colégio Americano de Medicina, nós estamos falando de uma praga de doenças neurológicas causada por esse veneno mortal.

Dr. Roberts descobriu o que aconteceu quando o ASPARTAME foi vendido pela primeira vez.

Ele disse que seus pacientes diabéticos apresentaram perda de memória, confusão e severa perda de visão.

Na Conferência do Colégio Americano de Medicina, os médicos admitiram que não sabiam.

Eles estavam procurando saber por que ataques tinham aumentado tanto (a fenilalanina do ASPARTAME diminui o limiar para a convulsão, o que causa psicose maníaco depressiva, ataque de pânico, fúria e violência).

Antes da Conferência, eu recebi um fax da Noruega, pedindo um possível antídoto para esse veneno, porque a pessoa estava sentindo esses tantos problemas no seu País.

Esse veneno, agora, está disponível em muitos países.

Felizmente, tivemos embaixadores e palestrantes na Conferência que se engajaram nesta luta.

PEDIMOS QUE VOCÊ SE ENGAJE TAMBÉM.

Imprima este artigo e avise todas as pessoas que você conhece.

Eu asseguro que a Monsanto, criadora do ASPARTAME, sabe como ele é mortal.

Ela financia a Associação Americana de Diabetes, a Associação Americana de Dietética, o Congresso e a Conferência do Colégio Americano de Medicina.

O New York Times, em 15 de Novembro de 1996, publicou artigo a respeito de como a Associação Americana de Dietética recebe dinheiro da indústria alimentícia para endossar seus produtos. Por isso, eles não podem criticar ou falar a respeito de sua ligação com a MONSANTO.

A que ponto chega isso? às raias da perversidade.

Dissemos a uma mãe cujo filhinho estava usando NutraSweet que ela deveria interromper o uso do produto.

A criança estava tendo convulsões diárias.

A mãe telefonou para o médico, que telefonou para a Associação.

E a Associação disse ao médico para não interromper o uso de NutraSweet.

Estamos ainda tentando convencer a mãe que o ASPARTAME está causando as convulsões.

Toda vez que interrompemos o uso do ASPARTAME, as convulsões cessam.

Se o bebê morrer, sabemos de quem é a culpa, e contra quem lutamos.

Existem 92 sintomas documentados de ASPARTAME, do coma à morte.

A maioria deles é neurológica, porque o ASPARTAME destroi o sistema nervoso.

A doença do ASPARTAME é parcialmente a causa da síndrome "Tempestade No Deserto".

A queimação na língua e os outros sintomas discutidos em mais de 60 casos podem estar diretamente relacionados ao consumo de produtos contendo ASPARTAME.

Milhares de latas de bebidas diet foram enviadas para as tropas do "Tempestade no Deserto".

(Lembre-se que o calor pode liberar o metanol do ASPARTAME a 30º C).

As bebidas dietéticas foram expostas ao sol de 45º C no deserto árabe, por semanas.

Homens e mulheres de serviço bebiam isso o dia todo.

Todos os sintomas deles eram semelhantes ao envenenamento por ASPARTAME.

Dr. Roberts diz que o consumo do ASPARTAME na época da concepção pode causar defeitos no feto.

A FENILALANINA se concentra na placenta causando retardo mental, de acordo com o Dr. Louis Elsas, Professor de Genética Pediátrica na Universidade de Emory.

Em testes de laboratório, animais desenvolvem tumores cerebrais (a fenilalanina tem um subproduto, o DXP, agente causador de tumores cerebrais).

Quando o Dr. Espisto estava falando, um neurocirurgião da platéia disse :

· Encontra-se, de fato, um teor elevado de ASPARTAME nos tumores cerebrais removidos.

A STÉVIA, um adoçante natural, NÃO É UM ADITIVO, e ajuda no metabolismo do açúcar; seria ideal para os diabéticos e foi aprovada, agora, como suplemento dietético, pelo FDA.

Durante anos, o FDA adiou essa aprovação por causa da sua lealdade à MONSANTO."

Pois é ... atentem para os adoçantes que estão usando; cuidem-se. Nick

Os NATURAIS : stevosídeo | sorbitol | manitol | xilitol – consumir com cuidado

Os ARTIFICIAIS : sacarina | ciclamatic | aspartame | sucralose – fuja destes !


Nenhum comentário:

Postar um comentário